3 tendências do e-commerce para prestar atenção em 2016

O e-commerce apresentou franco crescimento nos últimos anos e 2015 foi um momento de consolidação das lojas virtuais como parte integrante do consumo do brasileiro médio. As plataformas apresentaram melhorias consideráveis e passaram a se inserir cada vez mais na busca das pessoas pelos seus produtos e serviços.

O prognóstico para esse ano continua excelente, apesar da conjuntura econômica pouco favorável. O fato é que o comércio virtual já é encarado com muito mais confiança e algumas novidades devem se concretizar em curto e médio prazo. Quer descobrir as grandes tendências do e-commerce para prestar atenção em 2016? Então confira o post a seguir.

Números do e-commerce no Brasil

O ano de 2015 foi excelente para o e-commerce no Brasil. Num momento de crise, as lojas virtuais e suas plataformas surgiram como uma excelente opção para quem precisava economizar e não queria deixar de consumir. Por incrível que pareça, o número de empresas virtuais não parou de crescer e os serviços só foram melhorando para atender a essa nova e impressionante demanda.

Segundo o site do e-bit, o setor registrou nada menos que 41,3 bilhões de reais em vendas no ano passado. Além disso, os empreendimentos on-line conseguiram inserir e divulgar datas de consumo amplamente adotadas pelo público, mudando o padrão comum de vendas do varejo brasileiro. O maior exemplo disso é a Black Friday, que não é exclusiva dos e-commerces, mas certamente já está ligada ao setor pelos clientes. O ano passado apresentou nada menos que 38% de aumento de vendas nesse dia.

A categoria de maior destaque é a de moda, que lidera o ranking desde 2013 e representa as maiores vendas da internet brasileira. Em segundo lugar está a de eletrodomésticos e na sequência temos telefonia, cosméticos e livros e revistas.

Tendências do e-commerce para 2016

Existem diversas tendências do e-commerce que começaram a se consolidar em 2015 e devem acabar de se concretizar em 2016. Especialistas apontam que o prognóstico é bom e as empresas seguem se adaptando para oferecer o melhor para o público.

Investimento em marketing de conteúdo

Um dessas tendências de e-commerce é a fidelização do público através do blog e-commerce. Essa estratégia de marketing de conteúdo é uma ferramenta interessante, que busca informar, educar e atrair os clientes com posts de qualidade, fazendo com que eles venham naturalmente até a loja virtual.

É uma forma de ter contato constante com o público-alvo da marca e fazer com que eles não só comprem mais, mas que criem uma relação de parceria com o empreendimento. Além disso, o blog ajuda a trazer mais credibilidade e autoridade para o negócio. O Submarino é um bom exemplo disso. O blog da empresa conta com colaboradores que publicam sobre diversas áreas: moda, tecnologia, diversão, arte e “cool stuff”.

Utilização da tecnologia de mobile first

Outra das principais tendências de e-commerce é o mobile first, que é na realidade uma adequação a um fenômeno brasileiro: o uso cada vez maior de smartphones. Com a popularização das redes de Wi-Fi e 4G, as pessoas usam esse gadget nos trens, carros, parques, festas e em casa. Quem se aproveitar disso e adaptar sua loja virtual para as tecnologias móveis, certamente largará na frente da concorrência. A Netshoes, por exemplo, já criou um aplicativo exclusivo para esse fim.

Entrega mais ágil

Por fim, podemos falar da entrega no mesmo dia. O setor de logística sempre é um dos mais exigidos em e-commerces e por isso mesmo as empresas começaram a aprimorá-lo. Uma das grandes reclamações das pessoas que compram on-line é exatamente da demora em receber o produto, mas as lojas virtuais da Saraiva e da Americanas já oferecem uma alternativa, fazendo com que o seu comprador possa receber seu produto em questão de horas com seus serviços de entrega rápida.

Essas são as principais tendências de e-commerce para prestar atenção em 2016! Gostou do artigo? Quer conferir mais conteúdo de qualidade em primeira mão? Então não deixe de assinar a nossa newsletter!

This Post Has One Comment

  1. Pingback: Blog e E-commerce: saiba como impulsionar as vendas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *