8 dicas para vender mais e melhor

8 dicas para vender mais e melhor
5 (100%) 13 votes

Quando estamos inseridos na área do comércio o objetivo final é um só: vender mais e melhor. Esse é o sonho que vai desde o empreendedor até o vendedor de uma loja física. Vender mais e melhor significa crescimento, o que se traduz em lucro, bem como prosperidade para o seu negócio e todos que estão envolvidos com ele.

O problema é que vender mais e melhor não é algo que se consegue da noite para o dia. Isso exige determinação, trabalho duro, estudo para alavancar vendas e pontos essenciais que devem ser seguidos. Pensando nesse problema, escrevemos este post que traz 8 dicas para que você possa começar a vender mais e melhor. Leia e coloque tudo isso em prática.

Dica 1: Saiba para quem vender

Muitos empreendedores se enganam ao pensar que comercializar para todas as pessoas é o mesmo que vender mais e melhor. A questão chave é que todo produto tem o seu público. Por exemplo, por mais que você imagine que a Coca-Cola vende para todo mundo, está enganado: ela vende para quem gosta do refrigerante dela. Nesse caso, a Coca-Cola tem um público amplo – idades, gêneros e classes sociais variadas –, mas, como falamos anteriormente, ele também tem sua definição.

Por isso, saiba quem são aquelas pessoas que querem seu produto, que se interessam pela sua marca, que se encantam ao entrar na sua loja e não estão ali apenas para “dar uma olhadinha”. É um trabalho que deve ser construído com paciência, porque, muitas vezes, é um processo de erro e acerto. Mesmo assim, não desista (nunca!) de encontrar seu público.

Uma dica que ajuda muito saber quem são as pessoas que se interessam pelo seu produto é pensar justamente quais indivíduos precisam do que você vende. Ao entender que o seu produto é a solução para quem tem um problema específico, seu negócio está pronto para começar uma relação melhor com o público e está no caminho para vender mais e melhor.

Dica 2: Um ótimo atendimento te ajuda a vender mais e melhor

Agora que você já sabe sem dúvidas quem é o seu público, é necessário deixá-lo maravilhado da melhor maneira possível: atendendo-o super bem!

Lembre-se dos melhores momentos que você teve ao comprar alguma coisa. Com certeza a experiência foi prazerosa porque conseguiu exatamente o que queria com um atendimento bom. Aqui, estamos falando desde encantar seu cliente com algo inesperado – como mandar uma mensagem agradecendo pelo que ele adquiriu – até trabalhar para que não aconteça nenhum problema durante a compra.

Nada mais chato, por exemplo, do que ser interrompido enquanto passeia por uma loja. Contudo, ter alguém disponível para tirar qualquer dúvida, deixando o cliente confortável durante aquele momento, é uma ótima maneira de agir e encantar. Além disso, quanto mais personalizado for seu atendimento, melhor. A personalização ajuda muito na experiência de compra, porque seu cliente se sente único e cria uma ligação emocional com sua loja.

Depois que ele se apaixonar, com certeza vai querer voltar ou, melhor ainda, irá te indicar para outras pessoas.

Dica 3: Tenha uma equipe forte e preparada

Uma das maneiras mais importante de conseguir ter um ótimo atendimento é ter ótimos funcionários. Sua loja não se faz apenas por causa dos produtos ou devido ao design que ela tem. Isso tudo é muito importante também, mas de nada adianta encantar seu cliente se no momento em que ele precisa de um vendedor, seu funcionário não está preparado.

Além disso, sua equipe não se resume aos vendedores da loja. Os funcionários que dão qualquer tipo de suporte, aqueles que estão nos caixas e também os profissionais que fornecem serviços terceirizados para você, fazem parte do time do seu negócio.

Uma equipe forte e preparada te ajuda a vender mais e melhor porque existe uma rede de apoio construída com muito trabalho e dedicação. Quando todos estão juntos, fazendo o possível para que um objetivo seja alcançado, o retorno nas vendas fica cada vez mais próximo. Então treine, converse, instrua todos aqueles que têm alguma ligação com sua loja.

vender mais

Dica 4: Saiba como se vender

Para vender seu produto é necessário saber como se vender. Parece estranho? Então você precisa repensar algumas estratégias que tem aplicado. Às vezes tendemos a confiar demais nos nossos produtos. Ter certeza de que você vende algo de qualidade é incrível, mas o problema é que nem sempre as pessoas percebem isso também.

Não é correto esperar que seu produto venda por conta própria. Você não está errado em considerar que isso acaba acontecendo a longo prazo – infelizmente, às vezes não acontece – ou mesmo rapidamente, se o seu produto é algo revolucionário e as pessoas querem divulgá-lo. Contudo, não sente e espere que sua loja tenha a sorte grande e isso caia no seu colo. A primeira pessoa que deve falar bem do seu produto é você mesmo!

É verdade que alguns cuidados precisam ser tomados nessa forma de agir, por exemplo:

  • não pareça muito convencido, porque os outros percebem isso uma hora ou outra e podem criar antipatia da sua marca;
  • não ignore os comentários de outras pessoas, não é porque você conhece melhor seu produtos que somente você deve falar sobre ele;
  • cuidado ao comparar demais seu produto com o dos concorrentes, esse movimento pode ser feito, mas não de qualquer maneira, ou ele se volta contra o seu negócio.

Entretanto, tomando esses cuidados, não tenha medo de se vender. As pessoas precisam saber que seus produtos são bons e, se não há ninguém falando deles ainda, esse movimento deve começar por você.

Outro ponto positivo de falar sobre seu produto é mostrar propriedade acerca dele. Os clientes se sentem mais confortáveis quando conseguem confiar mais na qualidade do que eles irão comprar quando percebem que você tem total entendimento sobre o produto.

Pense em criar um blog, página no Facebook, perfil no Instagram, fazer um marketing digital para se mostrar e ficar mais perto dos seus possíveis clientes. Você se divulga e ainda recebe o feedback de quem te acompanha.

Como vender mais e melhor com uma loja virtual

Dica 5: Crie um planejamento

Seria ótimo que ter uma equipe preparada para atender seus clientes, criar meios para se comunicar com quem quer seu produto (blog, Facebook, Instagram), descobrir quem é seu público e tudo o mais fosse fácil de fazer rapidamente e de uma só vez. Infelizmente, não é bem assim. Tudo isso demanda tempo, estudo, dedicação e o primordial: planejamento.

Planejar te ajuda a enxergar problemas que você nem imaginava que existiam e, por consequência, pensar em soluções para eles. Se você não tem muita certeza de como isso pode te ajudar a vender mais e melhor comece a desenvolver um planejamento com perguntas básicas, como:

  • O que posso fazer para aumentar minhas vendas?
  • Existe algum problema que me impede de vender mais?
  • Como posso descobrir novas formas de atrair clientes?
  • Qual a forma que acredito ser melhor para vender meu produto?

Essas perguntas são algumas dicas básicas para você começar a pensar em um planejamento mais amplo. Cada uma delas pode te trazer mais dúvidas que, no final, devem ser estruturadas em um cronograma com planos de ação para resolver os problemas encontrados.

Dica 6: Trabalhe com metas

Essa dica se relaciona muito com a anterior, mas decidimos colocá-la em um tópico específico para você dar ainda mais importância para as metas.

Vamos imaginar o seguinte cenário: você já criou um planejamento e encontrou alguns problemas para resolver. Pensou em ações específicas e inclusive já começou a colocá-las em prática. Contudo, quando é que aquele problema inicial estará resolvido? É por isso que você precisa de metas. Elas são seu objetivo final, o lugar em que você quer chegar para resolver alguma questão específica.

Entretanto, as metas não são, e nem devem ser, um lugar de estabilidade. O legal de definir objetivos para cada um de seus problemas é que assim que eles estiverem resolvidos você pode mudar a meta para alcançar resultados ainda melhores. Além disso, essa definição te faz trabalhar mais arduamente para que seu foco seja alcançado. Não há maneira tão aconselhável quanto essa para vender mais e melhor.

Um exemplo prático é o seu lucro mensal: ao conseguir alcançar a meta, o melhor de tudo é aumentá-la e, paralelamente, repensar se deve colocar em prática outras ações para chegar àquele novo número. Assim você nunca perde a vontade de crescer.

Dica de ouro

Para definir suas metas é preciso ser sincero com o seu negócio. É essencial considerar o cenário e as dificuldades que já existem para não se iludir e definir um objetivo dificilmente alcançável, bem como colocar uma meta baixa apenas para sentir que cumpriu seu dever depois de ultrapassá-la.

Dica 7: Estude sempre o seu público e o mercado também

Uma das armadilhas em que alguns empreendedores caem é ficar confortável com o status de sua loja. Se você já colocou em prática seu planejamento, mas mesmo assim não consegue vender mais e melhor pode ser que seu público e o mercado não sejam mais os mesmos.

As mudanças acontecem constantemente e você não deve ficar parado no tempo pensando que já tem tudo solucionado. As práticas de consumo mudam, as pessoas se transformam, o mercado está sempre vivo e nada disso é estático.

Esteja sempre atento ao que está ao seu redor, não deixe de conferir o que os concorrentes estão fazendo – eles muitas vezes podem nos dar ideias muito boas! –, vá atrás dos seus clientes para ganhar feedbacks. Isso é o pontapé para que você procure novas formas de vender ou descubra que está fazendo algo para sua loja que já não tem a mesma resposta do mercado que tinha há alguns anos.

A internet é um ótimo lugar para começar a pesquisar. Conhecimento nunca é demais, então leia bastantes conteúdos que podem te ajudar. Participe de eventos sobre sua área de atuação, busque novas formas de vender. Ficar parado no tempo não te levará muito longe.

vender mais

Dica 8: Considere criar uma loja virtual

Se você ainda não tem um comércio eletrônico e sua loja é puramente física, saiba que está perdendo uma grande oportunidade de vender mais e melhor. Segundo dados do e-bit, em 2016, 48 milhões de brasileiros compraram ao menos uma vez pela internet. Em comparação com 2015, houve um aumento de 22%.

Esse número de compradores significa que apenas o comércio eletrônico foi responsável por R$ 44,4 bilhões no faturamento do varejo brasileiro. Ver o panorama do e-commerce brasileiro é um bom ponto de partida para você entender mais desse universo e de como ele só tende a crescer cada vez mais.

Ter uma loja virtual pode ser um dos passos do seu planejamento e assim pensar em formas de investir seu capital para aumentar o retorno. Se trabalha com um produto de nicho, por exemplo, vender na internet potencializa novos clientes a encontrarem o que você vende. A porcentagem de quantas pessoas têm acesso à internet no Brasil chega a quase 60%. Imagine se seu negócio já tem os meios para melhorar a logística de entrega e consegue levar os produtos para qualquer parte do país? Seus potenciais compradores aumentarão muito mais.

vender-mais

Antes de abrir seu e-commerce você precisa do apoio de uma empresa especializada para sanar suas dúvidas e te mostrar caminhos férteis para ter sucesso no meio digital. Você pode entrar em contato com a Multiweb assim que estiver pronto para abrir uma loja virtual.

 

Está mais preparado para resolver os problemas da sua loja e passar a vender mais e melhor? Ficou com alguma dúvida sobre esse assunto? Então comente aqui no blog, fazemos questão de sempre responder nossos leitores.

Se preferir, entre em contato com a Multiweb para discutir ideias para o seu negócio e pensar em como fazê-lo crescer.

Para mais novidades sobre venda e e-commerce, acompanhe nossas redes sociais: Facebook e Instagram.

Mauro Sérgio Silva
Analista de Conteúdo da Multiweb. Faz parte do time de Marketing, que visa aumentar as taxas de conversão dos clientes por meio de mídia e conteúdo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *