(31) 2551-5183
Marketing Digital

Por subestimar o marketing digital, muitas empresas se lançam em suas estratégias sem o menor planejamento, o qual é fundamental para definir objetivos, metas e cronogramas, sem ele é como estar navegando às escuras.

Pensando nisso, elaboramos abaixo um roteiro básico de como fazer marketing digital. Se interessou? Então, continue lendo.

1 – Defina muito bem seus objetivos

Antes de qualquer coisa, é preciso ter bem claro quais são seus objetivos e metas, especificando claramente o que deseja com as suas ações de marketing digital para que seu planejamento seja bem focado. Esses objetivos podem ser:

  • Reconhecimento e fortalecimento da marca
  • Aumentar as vendas diretas
  • Geração de Leads 
  • Aproximação com os clientes
  • Melhorar o atendimento ao cliente

Quando definir seus objetivos é preciso, também, estabelecer prazos de execução, para um maior controle.

2 – Identifique seu público-alvo

Sem dúvida, uma das mais importantes etapas na hora de criar um plano de marketing digital é a da pesquisa do público alvo. 

Felizmente, já é possível contar com diferentes ferramentas na Internet para saber qual é perfil dos visitantes de um determinado site, a partir daí, então, poder analisar e traçar esse perfil, adequando a linguagem e o conteúdo a ser produzido em nossas ações.

E mais, é possível, também, direcionar as campanhas para quem realmente interessa, usando ferramentas de segmentação disponíveis por exemplo, no Google Ads e Facebook Ad ou Instagram.

Pronto, definido o perfil do público-alvo, é hora de criar uma Persona de Marketing, ou seja, um retrato imaginário do consumidor com as características do grupo que você deseja impactar.

É importante ter em mente que essa personificação do seu público vai ajudar muito na hora de entender seu comportamento, suas necessidades e anseios. 

3 – Defina as suas principais estratégias 

Desde o início do planejamento é fundamental ter definido muito bem quais serão as suas principais estratégias de marketing digital, já tendo em mente que, dependendo do seu segmento, algumas podem funcionar melhor do que outras. 

Um exemplo é o segmento de moda e acessórios, no qual o marketing digital mais eficaz utiliza as redes sociais. 

Hoje em dia tem sites de todo tipo de segmento e é importante definir bem seu nicho e seu público, também como exemplos específicos temos: loja de material de construção, loja de utensílios de casa, decoração, pet shops, eletrônicos, loja de jardinagem, loja de maquiagem,e também entrega de comida, entrega de mercado, entrega de gás, e etc…

Por outro lado, empresas ainda desconhecidas que oferecem serviços, por exemplo, o marketing de busca tende a dar resultados melhores.

4 – Escolha os canais de marketing a serem utilizados

São muitas as opções para divulgação de uma marca na Internet, por isso é preciso, logo no início do projeto, definir quais são os canais mais apropriados para cada tipo de campanha, considerando o público que pretende atingir.

Não é preciso usar todos os canais, até porque seu público não estará presente em todos, a dica, portanto, é usar apenas aqueles que têm potencial para gerar tráfego qualificado para o seu site.

O investimento em marketing digital  precisa estar focado em resultados, otimizando recursos, identificando e se concentrando nos canais de maior retorno.

5 – Capacitação da equipe

Hoje em dia, e em meio a um mercado tão concorrido, não é mais aceitável subestimar o marketing, deixá-lo nas mãos de familiares ou conhecidos que “sabem mexer na internet”, como vinha sendo até um tempo atrás.

Atualmente, qualquer ferramenta de marketing online requer treinamento e técnica, por isso, é fundamental contar com pessoas capacitadas.

Não há mais espaço para amadorismo e improvisação no marketing digital.

Implementar o marketing digital com profissionalismo e monitorar de forma adequada seus resultados requer muito conhecimento.

6 – Determine o conteúdo a ser veiculado

O conteúdo é a cereja do bolo do marketing digital, portanto, é uma parte muito importante do planejamento. 

É fundamental desenvolver um conteúdo que crie um ponto de contato entre a empresa e o público que queremos impactar.

Hoje o consumidor busca informações antes de comprar alguma coisa e essa informação precisa ter qualidade e ser facilmente encontrada. 

E antes de qualquer oferta, é preciso oferecer conteúdo informativo, seja em blogs, ou redes sociais. 

7 – Elabore um cronograma

É muito importante, também, definir um cronograma de ações, dessa forma, marketing de conteúdo, peças promocionais, redes sociais, e tudo mais, precisa estar alinhado em termos de veiculação.

O marketing digital é composto por uma série de ações, por isso, os passos devem ser todos muito bem definidos e cronometrados, para que as ações se sobreponham e percam seu verdadeiro potencial.

8 – Defina como monitorar os resultados

Vale ter em mente que, até antes mesmo de pensar em um plano de marketing digital, é preciso definir como as ações serão monitoradas em termos de resultados.

Ou seja, é preciso definir as ferramentas de monitoramento que serão usadas, como o Google Analytics, lembrando, no entanto, que ela não mensura os resultados nas redes sociais, por exemplo.

E no caso de mídias sociais, é preciso também definir qual será a ferramenta utilizada para acompanhamento, existindo muitas opções no mercado.

E é isso, como podemos ver, elaborar um plano de marketing digital não é tarefa das mais simples, sendo necessário focar em cada passo para que as metas e objetivos sejam atingidos.  

Deixe uma resposta